Exibição

No post anterior vimos a cantora Vanusa cantando o hino de forma estranha, será mesmo que foi remédio ? (ausência dele). Mas e se ela fez isso de propósito. Não em forma de protesto mas pra  aparecer mesmo, ou seja, querer holofote afinal seus minutos de glória na mídia se foram faz um tempo. Hoje com a velocidade das mídias o que tem de gente querendo sair do anonimato não é pouco vide os big brother e correlatos.

Mas será que só ser reconhecido pelos seus pares é suficiente para explicar atitudes como essas.

A mestre em comunicação, imagem e informação pela IACS/UFF e doutorando em comunicação e cultura ECO/UFRJ. Paula Sibila em seu artigo Os diários íntimos na internet e a crise da interioridade psicológica. Aborda os blogs como uma extensão da intimidade mas ao mesmo tempo existe o paradoxo de estar na rede mundial de computadores, local onde o que menos se consegue  é a privacidade. Outra questão é a utilização das webcams onde o adolescente (geralmente) projeta sua, suposta, personalidade perante seus semelhantes. Trazendo mais pra nossa realidade basta trocar a webcam pela máquina digital. É só observar que a quantidade de fotos no orkut supera as de vídeo.

No artigo ela aborda a evolução, nos últimos três séculos, a questão do público e do privado e como o homem se inseriu  nesta nova realidade. Além de abordar também o “eu” do blogeiro e sua relação com a sociedade etc.

Baixe o  artigo.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s